O que é empreendedorismo digital?

No mundo corporativo, muito se fala em empreendedorismo. Há dicas, livros e metodologias para “se dar bem”. À medida que a humanidade evolui, surgem também novos empreendedores, ávidos por conquistar espaço, se diferenciar, se destacar e atender às necessidades latentes dos mercados, como no caso do empreendedorismo digital.

Esse é um negócio pensado para oferecer um produto ou serviço diferenciado, por meio de algum meio digital (internet, por exemplo) e através dele conseguir lucro. Existe uma infinidade de formas de fazer isso atualmente.

Empreendedorismo digital? Tem que pensar fora da caixinha…

O público que se interessa por estratégia empresarial busca empresas que “pensem fora da caixinha”. Neste caso, as organizações é que precisam apresentar soluções atrativas, customizáveis e eficientes. Companhias tradicionais têm buscado, na aquisição e/ou interação com empresas de tecnologia e startups, uma porta para essa atualização, inovação e, obviamente, a transformação digital.

Esse cenário é muito interessante, porque nos próximos anos vamos ver (na verdade, já estamos vendo) empresas se reinventando, errando, recomeçando, se readequando, enfim, se transformando por meio do empreendedorismo digital.

Muitas conquistaram esse espaço porque já desenvolveram um produto próprio, baseado em algum conhecimento que já tinham, e usaram a internet para compartilhar isso. Outra possibilidade de mergulhar no empreendedorismo digital é vender produtos de terceiros. Nesse caso, é possível se tornar parceiro ou afiliado de produtos que já conhece, confia e acredita que vão agregar valor para seu nicho, assim como anunciá-los em sites, blogs, listas de e-mails, entre outros.

Mas, por onde começar a empreender digitalmente?

Entender o perfil do consumidor é um passo fundamental, afinal são os consumidores que vão determinar como se dá a relação de consumo, seja por meio físico ou digital. A partir daí, a empresa pode se preparar para fornecer o produto ou serviço como o planejado, mas, considerando antes mesmo de implementar, qual a tecnologia e as características a ela atreladas.

Isso nos leva a um segundo aspecto muito importante do empreendedorismo digital, que é a modernização do modelo de negócio. Eficiência na entrega, muitas vezes, exige o uso de tecnologias disruptivas, que significa o aumento da vulnerabilidade devido ao uso de uma abordagem pouco estudada. Isso é um desafio para as companhias.

Leia também: Dicas de como ser um empreendedor de sucesso

O perfil dos trabalhadores tem mudado, assim como a forma de trabalho

A empresa precisa avaliar esse risco também, à medida que a conectividade e o uso de aparelhos pessoais passam a ser uma realidade. Além disso, os colaboradores, às vezes, vão ficar distantes dos perímetros físicos da empresa, criando um novo perímetro, tão extenso quanto a presença dos colaboradores.

     Uma das formas de iniciar um empreendimento digital é ter um escritório virtual, ou seja, um endereço real, bem localizado, para receber suas correspondências, fazer reuniões presenciais quando for necessário, mas sem a necessidade de pagar o preço cheio de um aluguel tradicional. Quer saber mais? Clique aqui.

Atenção aos dados

Preste atenção neles, na forma como são coletados, armazenados, processados e passados adiante. Se estes processos forem conduzidos da maneira correta, podem garantir à empresa antenada no universo do empreendedorismo digital uma vantagem competitiva sobre as demais dentro deste mercado.

Quer uma ajuda para abrir seu negócio digital? A Locus ajuda empreendedores digitais já há mais de 20 anos, conheça nossos serviços clicando aqui!

Os desafios de empreender são diversos, mas as possibilidades são bem maiores do que os obstáculos, além da sensação de reconhecimento e de dever cumprido ao fazer o que se gosta, com dedicação. Acredite no seu potencial e tire o seu sonho de um novo negócio do papel.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.